Wordpress, Prestashop, Joomla e Drupal Grátis



 INVESTIGAÇÕES SOBRE A IGREJA SUD
TEMPLO SUD - genealogia

GENEALOGIAS



A igreja mórmon gasta milhões de dólares fazendo pesquisas genealógicas. As chamadas "ávores genealógicas familiares" são feitas pelos membros com o objetivo de descobrir nomes e datas de seus antepassados que faleceram sem conhecer as doutrinas da igreja. Assim, estes parentes podem ser batizados por procuração nos templos (batismo vicário).


Assim, para um SUD, a genealogia é uma forma de salvar mais almas e fortalecer a unidade familiar, pois todos serão selados e, de acordo com a dignidade individual, viverão como famílias eternas.

<!-- /* Font Definitions */ @font-face {font-family:"Cambria Math"; panose-1:2 4 5 3 5 4 6 3 2 4; mso-font-charset:0; mso-generic-font-family:roman; mso-font-pitch:variable; mso-font-signature:-1610611985 1107304683 0 0 159 0;} @font-face {font-family:Calibri; panose-1:2 15 5 2 2 2 4 3 2 4; mso-font-charset:0; mso-generic-font-family:swiss; mso-font-pitch:variable; mso-font-signature:-1610611985 1073750139 0 0 159 0;} /* Style Definitions */ p.MsoNormal, li.MsoNormal, div.MsoNormal {mso-style-unhide:no; mso-style-qformat:yes; mso-style-parent:""; margin-top:0in; margin-right:0in; margin-bottom:10.0pt; margin-left:0in; line-height:115%; mso-pagination:widow-orphan; font-size:11.0pt; font-family:"Calibri","sans-serif"; mso-ascii-font-family:Calibri; mso-ascii-theme-font:minor-latin; mso-fareast-font-family:Calibri; mso-fareast-theme-font:minor-latin; mso-hansi-font-family:Calibri; mso-hansi-theme-font:minor-latin; mso-bidi-font-family:"Times New Roman"; mso-bidi-theme-font:minor-bidi;} p {mso-style-priority:99; mso-margin-top-alt:auto; margin-right:0in; mso-margin-bottom-alt:auto; margin-left:0in; mso-pagination:widow-orphan; font-size:12.0pt; font-family:"Times New Roman","serif"; mso-fareast-font-family:"Times New Roman";} span.longtext {mso-style-name:long_text; mso-style-unhide:no;} .MsoChpDefault {mso-style-type:export-only; mso-default-props:yes; mso-ascii-font-family:Calibri; mso-ascii-theme-font:minor-latin; mso-fareast-font-family:Calibri; mso-fareast-theme-font:minor-latin; mso-hansi-font-family:Calibri; mso-hansi-theme-font:minor-latin; mso-bidi-font-family:"Times New Roman"; mso-bidi-theme-font:minor-bidi;} .MsoPapDefault {mso-style-type:export-only; margin-bottom:10.0pt; line-height:115%;} @page Section1 {size:8.5in 11.0in; margin:70.85pt 85.05pt 70.85pt 85.05pt; mso-header-margin:.5in; mso-footer-margin:.5in; mso-paper-source:0;} div.Section1 {page:Section1;} -->
Presidente Joseph Fielding Smith disse: 

"Então, é seu dever procurar seu registro até onde ele possa chegar, e fazer a mesma coisa para cada pessoa. Ele deve começar com seu pai e sua mãe e seus filhos, e seu avô e seus filhos, bisavô e seus filhos, e faça este trabalho da mesma forma, ligando cada geração com a anterior. Essa é a responsabilidade que repousa sobre todos os homens, chefes de uma família na igreja" (Doctrines of Salvation,vol. II, pp. 206-207).

Joseph Smith também declarou:
 "A maior responsabilidade neste mundo que Deus colocou sobre nós é o de buscarmos nossos mortos" (Teachings of the Prophet Joseph Smith, p. 356). Ele também disse: "Aqueles santos que o negligenciar em nome de seus parentes falecidos, fazem-no arriscando a sua própria salvação" (Ibid., p. 193).

O Presidente Joseph Fielding Smith disse relativo ao trabalho para os mortos:
"Não podemos fazer tudo de uma vez, mas teremos 1.000 anos do milênio para fazê-lo. Naquele período, o trabalho deve ser feito em nome dos mortos dos 6.000 anos anteriores, para todos os que dele necessitam "(Doctrines of Salvation,vol. II, p. 166).

Smith continuou:
"Aqueles que viverão aqui estarão em comunicação diária com aqueles que passaram pela ressurreição, e eles trarão esta informação, esse conhecimento que nós não temos e os darão aos mortais, dizendo: 'Agora, vão para os templos e façam este trabalho; quando terminarem, traremos outros nomes” (Ibid., p. 167).

Devido à possibilidade de duplicação do trabalho para os mortos, à dito aos SUDs que "deve decorrer um ano após a morte de um indivíduo, antes que qualquer ordenança do templo possa ser realizada" (Deseret News, "Church News”, 7 de janeiro de 1967, p. 14 ).  

A este respeito, o apóstolo Bruce McConkie disse:

 

"Antes das ordenanças vicárias da salvação e exaltação serem realizadas pelas pessoas que já morreram, elas devem ser identificadas acurada e apropriadamente. 

Uma vez que a pesquisa genealógica é exigida... a Igreja mantém em Salt Lake City uma das maiores sociedades genealógicas. Grande parte da fonte do material de várias nações da Terra tem sido ou está sendo microfilmada por esta sociedade. Milhões de dólares são gastos e uma reserva de centenas de milhões de nomes e outros dados sobre as pessoas que viveram nas gerações passadas, para o estudo" (Mormon Doctrine, 1966, ps. 308-309).

Em que extensão é feita a pesquisa genealógica na igreja SUD? Vejamos o testemunho de Wallace Turner:

"A microfilmagem dos registros é uma obra fantástica, crescendo cada vez mais, operada em benefício do ancestral, e das cerimônias vicárias no templo". 


"Em 01/09/65 a divisão de microfilmagem tinha um total de 406.682 rolos de microfilme de 100 pés cada um... A carga total de microfilmes incluía 576.679.800 pés de documentos. Havia mais de 5 bilhões de nomes nos arquivos. 

A Igreja coloca cerca de 4 milhões de dólares anualmente na Sociedade Genealógica. Ela tem 575 empregados e é sustentada por uma comissão que inclui dois apóstolos. A unidade de microfilmagem envia gente ao mundo inteiro para localizar, e fotografar registros. 


Os negativos dos microfilmes são estocados num sistema de grandes câmaras cavadas nas rochas de 'Granite Mountain Storage Vault', no Cottonwood Canyon, ao sudoeste de Salt Lake City. 


Este sistema de armazenagem foi produzido pela Igreja ao custo de 2,5 milhões de dólares. Ele dispõe de seis câmaras, cada uma guardando um milhão de rolos de filmes.

Durante o ano de 1964, as unidades de microfilmagem operaram em 14 países" (The Mormon Establishment, ps. 81-82).


Atualmente, os registros originais chegam a cerca de 2,4 milhões de rolos de microfilmes. A montanha  Records Vault está na cordilheira Wasatch, cerca de 20 quilômetros a sudeste de Salt Lake City. Os dados são trancados atrás de portas de 14 toneladas, em salas climatizadas e capazes de resistir à um impacto nuclear.

Veja mais detalhes sobre Granite Mountain em 12
 
O apóstolo Le Grand Richards predisse que:

"Num futuro não muito distante a Biblioteca Genealógica da igreja Mormon será não apenas a melhor do mundo, mas também será o repositório de todas as demais bibliotecas genealógicas" (A Marvellous Work and Wonder, p. 192).

De fato, em 22 de novembro de 1999, um grande investimento foi feito no programa FamilySearch, onde buscas de nomes on-line são realizadas com certa facilidade (site: http://www.familysearch.org). 

Grande parte da informação está disponível online em FamilySearch.org, que tem vários tipos de bancos de dados: 

- O Índice Genealógico Internacional (IGI), que consiste em dois tipos de informações: registros normalmente recolhidos por missionários mórmons e transcritos e indexados por membros voluntários da igreja; e cópias das ordenanças fornecidas pelos membros da igreja. 

O Ancestral File tem mais de 35 milhões de nomes organizados em famílias e genealogias. A informação não está disponível, embora geralmente você pode encontrar o nome e endereço da pessoa que enviou a informação. Assim que você pode contatar o remetente para mais informações. O Arquivo Ancestral parou de receber dados em 2003; 

- Atualmente, todos os dados enviados são adicionados ao Pedigree Resource File. Qualquer pessoa pode enviar informações para o Pedigree Resource File, como acontecia com o Arquivo Ancestral, o nome do remetente é indicado. 

A igreja criou um índice para cada pessoa contados no censo dos EUA em 1880, para o censo de 1881 do Canadá e para o censo de 1881 britânico. Estes registros estão disponíveis gratuitamente on-line, e as imagens podem ser acessadas no Family History Library ou no Family History Center.

Outros registros online da FamilySearch.org incluem o Social Security Death Index, com os nomes de pessoas falecidas que possuiam um cartão de Segurança Social e cuja morte foi relatada a Administração da Segurança Social depois de 1962 (quando o banco de dados iniciou) e a Vital Records Index, que tem os dados do nascimento, óbito, registros de batismo e casamento para localidades no México e na Escandinávia.

Em 2002, a Igreja mórmon iniciou um plano ambicioso para digitalizar e disponibilizar online todos os milhares de milhões de registros existentes na montanha de granito Vault, com voluntários criando índices para os registros. Devido aos avanços tecnológicos, um projeto  estimado em 120 anos poderá ser concluído nos próximos 10 anos.

O que a Bíblia fala sobre isso?

“Como te roguei, quando parti para a Macedônia, que ficasses em Éfeso, para advertires a alguns, que não ensinem outra doutrina, nem se dêem a fábulas ou a genealogias intermináveis, que mais produzem questões do que edificação de Deus, que consiste na fé; assim o faço agora” (1Tm 1.3,4).



Enfim, a "interpretação" das escrituras sempre foi um grande problema, mesmo na época de Cristo. O que é claro pode ser modificado para preencher as necessidades individuais ou de um grupo:


“E tende por salvação a longanimidade de nosso Senhor; como também o nosso amado irmão Paulo vos escreveu, segundo a sabedoria que lhe foi dada; falando disto, como em todas as suas epístolas, entre as quais há pontos difíceis de entender, que os indoutos e inconstantes torcem, e igualmente as outras Escrituras, para sua própria perdição. Vós, portanto, amados, sabendo isto de antemão, guardai-vos de que, pelo engano dos homens abomináveis, sejais juntamente arrebatados, e descaias da vossa firmeza” (2Pe 3.15-17).

Independente das escrituras, parece que o serviço do templo pelos mortos dentro da igreja SUD ganha cada vez mais significado. Com 130 templos já em operação e 7 em construção, o presidente da igreja acaba de anunciar que mais 14 serão construídos no mundo inteiro. 

Lembre-se que a razão do serviço no templo ser tão importante para os mormons, que é esta é uma exigência à salvação no mais alto grau de glória (exaltação), onde se tornarão divindades no Reino Celestial. Assim, poderão criar vários mundos e gerar vários filhos espirituais para habitarem esses mundos.


Joseph Fielding Smith proclamou que:
"O maior mandamento que nos foi dado e tornou-se obrigatório é o serviço do templo em nosso favor e em favor dos nossos mortos." (Doctrines of Salvation, 2:149). 

Ele disse ainda: "O Profeta Joseph Smith declarou: 'A maior responsabilidade que Deus colocou sobre nós neste mundo é localizar os nossos mortos'." (Ibid 2:146).

Interessante é que mesmo que supostamente o Livro de Mórmon contenha a "totalidade do evangelho", ele jamais menciona a doutrina do batismo pelos mortos, nem sequer uma vez. A palavra "batismo" aparece 25 vezes no Livro de Mórmon. A palavra "batizar" aparece 85 vezes e a expressão "batizando" aparece 6 vezes, porém a doutrina do batismo pelos mortos não é de modo algum mencionada.

Outro serviço do templo que é realizado em favor dos mortos é o casamento celestial e selamento - veja sobre esse assunto AQUI.


texto baseado em Dennis A Wright
Jornal "The Evangel", edição março/abril, 1998
Criar um Site Grátis    |    Create a Free Website Denunciar  |  Publicidade  |  Sites Grátis no Comunidades.net